Notícias PMPE

Notícia publicada em 02/12/2019 | 08:37

OPERAÇÃO LEI SECA PROMOVE 1° PASSEIO CICLÍSTICO

foto-noticia

LARGADA aconteceu em frente ao QCG

 

Quinhentos e trinta ciclistas se inscreveram para participar do 1° Passei Ciclístico em Defesa da Vida

 

Promovido pela Operação Lei Seca (OLS), o evento foi alusivo aos 8 anos de existência da Operação e teve por objetivo levar a mensagem de que álcool e direção não se misturam.

 

Durante esses 8 anos a Operação vem salvando vidas, retirando das ruas os condutores de veículos que fizeram essa mistura explosiva e que põem em risco a sua própria vida e as de outrem.

O subcomandante geral da Corporação, coronel André Cavalcanti, esteve presente no evento, assim como o major PM Felipe Gondim, coordenador executivo da OLS. "Nossa principal mensagem é que estamos aqui para salvar vidas e retirar das ruas os potenciais causadores de acidentes nas vias, fazendo assim um trânsito mais seguro", disse o major.

 

Antes da partida os participantes puderam assistir a uma palestra sobre ciclismo no trânsito, promovida pelo DETRAN no ônibus da turma do Fom fom, que estava estacionado em frente ao QCG. O Passeio partiu do Quartel do Comando Geral, no Derby, até o Marco Zero do Recife, onde os ciclistas tiveram uma parada para se hidratar e retornar para o QCG.

 

Em sua primeira edição o evento já contou com participações muito especiais, Carlos Henrique foi um deles, ele foi vítima de um motorista alcoolizado no ano de 2011 e como consequência do acidente teve que amputar a perna esquerda, mas Carlos deu a volta por cima e hoje é um dos educadores de trânsito da OLS. "Estamos aqui para conscientizar a todos que essa mistura não combina e que isso pode acontecer com qualquer um", disse o educador.

 

Histórias como a de Severino José inspiram muita gente, ele nasceu com uma paralisia nas pernas e encontrou na bicicleta a forma de se locomover. Hoje ele participa de dois grupos de pedal e de diversos passeios ciclísticos que acontecem na cidade. "Não temos que ficar nos lamentando, temos que saber que também somos capazes de fazer muita coisa, o pedal mudou minha vida", finalizou o ciclista.

Os 11km de pedalada foram ao som de muito frevo.

Fonte: Foto: Sgt Leandro Brayner/ ASCOM-PMPE